10/02/2013

Trouxas de Azedo



2ª Participação no desafio intitulado "Sabores do fumeiro de Trás-os-Montes" de Cinco Quartos de Laranja em parceria com a organização do evento e a Origem Transmontana.

O desafio consiste em elaborar um prato com um dos seguintes quatro enchidos tradicionais de fumeiro: Alheira, Azedo(ou chouriço de pão), Butelo ou Chouriço de sangue(ou de mel).

Alheira - É um enchido cujos principais ingredientes podem
ser carne de aves ou de caça, pão, azeite, banha, 
alho e colorau.

Azedo - Enchido feito com carnes de porco e aves devidamente 
cozidas e amassadas com pão de trigo, azeite, colorau, 
alho e sal.

Butelo - É um enchido feito com osso de dassoã, ponta das 
costelas, outros ossos cartilagíneos, barbela e ainda 
o rabo do porco.

Chouriço de Mel - É um chouriço de carne a cuja mistura de viandes, 
amêndoa e temperos, se junta mel.

Mais receitas e informação sobre estes produtos Aqui.

Receita

Ingredientes:

1 Chouriço de Pão Azedo
Folhas de Massa filo
20 Gr de Manteiga

Preparação:

Corte rodelas do Chouriço de Pão Azedo. Passe-o pela sertã (anti - aderente) ou grelhador sem adição de gordura. Esta libertará a sua própria gordura. Desligue o lume logo que comece a ficar tostadinho. Reserve.
Derreta a manteiga. Reserve.
Corte as folhas de massa filo em quadrados. Sobreponha-as três a três e pincele-as com manteiga. Coloque uma rodela de Chouriço de Pão Azedo no centro e pode fechar a trouxa com a ajuda de um palito ou cebolinho. Leve ao forno a 180º aproximadamente 15 minutos. O tempo suficiente para que a massa filo fique douradinha.

Redução de Vinagre Balsâmico

Deite uma garrafa de 200 ml de vinagre balsâmico numa panela, junte 100 g de açúcar e deixe ferver até obter a consistência desejada, aproximadamente vinte minutos.
Resulta num molho de textura aveludada, aparência de caramelo e sabor levemente adocicado (já que boa parte da acidez do vinagre foi evaporada), perfeito para finalizar saladas mas igualmente bom para servir com carnes.  Se sobrar, pode guardar num frasco e conservar junto com seus vinagres e azeites.

Empratamento:

Pincele a base dos pratos com Redução de Vinagre e coloque as Trouxas de Alheira no meio. Sirva-as como entrada.

7 comentários:

  1. Bom dia, Aurea!
    Não conheço este chouriço, mas o aspecto da tua trouxa promete!
    Beijinhos
    Paula

    ResponderEliminar
  2. Bom dia Áurea,
    Gosto muito da cozinha regional portuguesa, minha sogra, nasceu em Trás-os-Montes e tinha pratos com características muito diferentes e deliciosos, alguns pouco light rsrs.
    Gostei muito da receita, explicação e apresentação.
    Beijo,
    Vânia

    ResponderEliminar
  3. Parece-me bastante original, Aurea. O que sei de certeza é que saber+a muito bem!

    Bjinho :)

    ResponderEliminar
  4. Olá Aurea!
    Hummm que bom aspecto que tem esta trouxinha fiquei com vontade de dar uma boa trincadela!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  5. Olá Aurea: nunca ouvi falar desse chouriço,mas as trouxinhas estão divinais,com um aspeto de babar.
    Bj
    Márcia

    ResponderEliminar
  6. Que belo aspeto.
    Bom carnaval.
    Beijinhos

    ResponderEliminar